Torre eólica sensível às questões ambientais e à natureza mas diz que está farta de andar às voltas

Uma torre eólica parou subitamente esta terça-feira, o que podia ser só uma questão técnica, mas o que a assistência encontrou foi uma revolta por parte da torre, que diz ser sensível às questões ambientais e à natureza, mas está farta de andar às voltas.

“Já estou tonta, então quando o vento aperta, meus senhores… gostava que estivessem no meu lugar”, explicou a torre, que diz que precisa de parar um bocado.

Recorde-se que as torres eólicas são uma fonte de energia mais limpa, que aproveita o vento de que tantas pessoas se queixam, mas que lhes pode dar luz. Em tempos, Portugal conseguiu manter-se a gastar energia apenas produzida por fontes eólicas, durante alguns dias. Tudo graças ao vento que se fez sentir, o que obrigou a um aumento do consumo de água para baixar os toucados, pois os portugueses, que também levavam com o vento, pareciam o físico Einstein depois de acordar.

Sobre o autor

Zé Pedro Silva
facebook.com/zepiter | instagram.com/zepiter | zepiter@gmail.com