[the_ad id=”10494″] Pedro Santana Lopes apresentou este domingo a sua candidatura à liderança do PSD e no seu primeiro discurso deixou logo claro qual será a sua estratégia. Para evitar ser acusado de trapalhadas, Santana Lopes vai limitar-se a dizer o seu nome durante toda a campanha.

Já esta segunda, num encontro com militantes da Guarda, Santana Lopes entrou na sala e disse “o meu nome é Pedro Santana Lopes” e não disse mais nada.

Mesmo assim, o Imprensa Falsa sabe que há muitos jornalistas a fazer fact checking das palavras do ex-provedor da Santa Casa e há um jornal a preparar uma capa onde revela que o nome é Pedro Miguel de Santana Lopes.