O Parlamento acaba de chumbar a moção de censura ao Governo apresentada pelo CDS que mesmo assim não desiste e acaba de anunciar que vai avançar para o golpe de Estado, uma figura que não está prevista mas que é considerada o último recurso.

A operação deverá ter início quando passar a canção “Telemóveis”, de Conan Osíris, na rádio. “Estejam atentos à telefonia, porque quando ouvirem ‘telemóveis’ é para sair”, acaba de afirmar a líder centrista. A esta hora, segundo o Imprensa Falsa conseguiu apurar, Nuno Melo está a caminho de Tancos com uma carrinha grande.

Entretanto, o PSD já veio dizer que apesar de achar arriscado, junta-se ao golpe de Estado. “Não podíamos ficar de fora, apesar de considerarmos que vamos acabar todos a ser interrogados num posto da GNR”, afirmou o secretário-geral social-democrata.