[the_ad id=”10494″] Depois das notícias que dão conta de um acórdão que atenua o crime de violência doméstica porque a vítima terá cometido adultério, gerou-se uma enorme discussão em torno das fundamentações do magistrado para tal decisão, que passam pela Bíblia, por leis muito antigas e ainda por regras em algumas tribos.

Perante tanta polémica, o Imprensa Falsa tentou contactar o juiz responsável pela decisão mas foi-nos dito que está fora, durante pelo menos a próxima noite, estando a caçar um animal de grande porte para comer e fazer um casaco para o Inverno.

“Como não puderam almoçar, porque o senhor doutor juiz não pôde fazer o fogo – e não foi por não ter pedras, mas porque agora é proibido – ele pegou logo na lança e foi andando, porque diz que não tarda chega o frio e ainda não caçou o seu casaco”, esclarece fonte do Tribunal.