Os quatro jovens ambientalistas que realizaram ontem um protesto no aniversário do Partido Socialista, para lutar contra o novo aeroporto no Montijo, tomaram esta manhã posse.

Os quatro manifestantes aproximaram-se tanto do primeiro-ministro que pareciam da família. 

“Sobretudo nesta época da Páscoa, eu vi-o em cima de mim e pensei ‘este gajo deve ser meu primo’, porque parecia mesmo aquele primo já bêbado que também quer discursar”, explica o também líder do Partido Socialista, que acabou por cumprimentar o jovem “estás bom? a Páscoa foi ontem, eu agora estou a trabalhar e tu devias ir dormir”.

Ainda assim, os jovens acabariam por ser logo ali convidados para entrar para o executivo. O que se aproximou de Costa é o novo ministro das Infraestruturas e agora defende o novo aeroporto no Montijo. “Mesmo que o estudo de impacte ambiental chumbe, é preciso é andar para a frente”, afirma o jovem, agora ministro, “não podemos abrandar o desenvolvimento por causa de aves que têm asinhas para ir para outra paragem, mudar um aeroporto é mais difícil”.

Os outros três jovens entraram para o gabinete do primeiro, dois como secretários de Estado e o outro como assessor.