Indivíduo que só há dois meses conseguiu deixar de pensar em escudos nem acredita que agora vem a criptomoeda

Um indivíduo que só há dois meses conseguiu deixar de pensar em escudos nem acredita que agora vem a criptomoeda. “Eu pergunto-me se é preciso fazer-se tantas moedas quando no fim o resultado é o mesmo”, afirma este indivíduo.

A verdade é que a nova unidade monetária electrónica já está a causar problemas. “Quanto é o café?”, quis saber Simplícia, há instantes.

“São 60 CaféDoVítorCoins, se fizer o favor”, afirmou o senhor Vítor, deixando a senhora a fazer contas de cabeça. “1 CaféDoVítorCoin é cinco cêntimos que são dez escudos…. logo… mau… ora, 1 CaféDoVítorCoin é… não, está errado”, ia pensando Simplícia.

Entretanto, já há notícias de burlas com os mais velhos, sobretudo os que residem no interior, isolados. “Eu sabia que havia alterações na pensão agora em Janeiro, mas não estava à espera de receber uma pen”, admite Simplício, que terá sido burlado.

Sobre o autor

Zé Pedro Silva
facebook.com/zepiter | instagram.com/zepiter | zepiter@gmail.com