É mais um conjunto de afirmações e teorias que os grupos anti-vacinas tentam passar pela internet, através das redes sociais e plataformas de contactos.

Desta feita, a ideia é propagandear que quem toma vacinas corre um risco muito elevado de ficar vacinado.

“Eu nunca conheci ninguém que não tivesse ficado vacinado depois de tomar uma vacina”, chega mesmo a afirmar um dos autores destes textos.